Postagens

Mostrando postagens de Agosto, 2015

Números do PIB: Fracasso da Nova Matriz e desmoralização do discurso que a culpa é do resto do mundo

Imagem
É difícil encontrar em economia um caso tão claro de uma política econômica que deu errado como a Nova Matriz Econômica do primeiro governo Dilma, sei que alguns vão pensar que a essa altura criticar a Nova Matriz é chutar cachorro morto, mas não concordo que seja. No final da década de 1990 eu e muitos outros economistas da minha geração e mesmo da geração anterior cometemos o erro de pensar que estávamos livres do intervencionismo no estilo da Nova Matriz, como sabemos hoje foi um erro grave, com a guarda baixa os alquimistas da economia encontraram espaço para voltar com fórmulas que foram vendidas como capazes de fazer o Brasil crescer ou recuperar a força da indústria com apenas alguns decretos e mudanças nas políticas monetária e fiscal. Mesmo hoje não estamos livres de tais saídas fáceis, se uma pessoa desatenta ler nos jornais as recentes medidas da área econômica é muito provável que pense que Mantega ainda está no comando.
Os números do PIB divulgados hoje mostram de forma …

Clube dos Céticos

Imagem
Hoje fui surpreendido por um trecho de um debate entre Alexandre Schwartsman e Luís Carlos Mendonça de Barros (link aqui), no trecho Schwartsman fala de uma visão um tanto ingênua (o trecho começa após a descrição da tal visão, mas no restante do vídeo é possível imaginar qual seja) e Mendonça de Barros toma as dores de quem possui tal visão e coloca Schwartsman em um Clube dos Céticos. Segundo Mendonça de Barros o clube seria formado por pessoas que acham que o Brasil está fadado a dar errado, o termo fadado me pareceu demasiado forte, talvez possa ser explicado pelo calor do momento, mas se no lugar de fadado Mendonça de Barros tivesse dito pessoas que acreditam que o Brasil está condenado a dar errado em um horizonte de tempo onde é possível fazer previsões eu, mesmo sem ter sido convidado, me colocaria como parte do clube. Como fica claro no trecho Mendonça de Barros não apenas não pertence ao Clube dos Céticos como é um crítico do Clube, sendo assim vou tomar a liberdade de dizer…