Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2015

Austeridade!

Imagem
Suponha que um pai de família resolva proporcionar dias mais felizes para os seus e decida usar os limites de crédito que dispõe para levar uma vida de rico. Ele começa com aquelas linhas de crédito baratos (para os padrões brasileiros, que fique claro) disponíveis para quem está com o nome limpo na praça. Com o dinheiro troca o carro apertado por um maior e leva os rebentos para Disney. Depois da viagem em família é hora de uma segunda Lua de Mel, em Paris, é claro.

Como o banco tem uma linha especial para crédito imobiliário ele resolve comprar um apartamento amplo com suíte para o casal e para cada um dos dois filhos, a quarta suíte fica para quando os parentes quem moram longe forem visitá-lo. Entrada de 10% do valor do imóvel financiada em dez vezes com a primeira a perder de vista. Naturalmente o apartamento novo não pode ficar com a mobília velha e o feliz pai de família compra móveis novos. Tanta coisa boa merece uma comemoração e a família vai fazer um passeio cultural na Eur…

A Imensa Cara de Pau dos Desenvolvimentistas Tucanos

Imagem
Quem me acompanha aqui no blog ou no FB sabe que considero o governo Dilma um desastre econômico, também sabe que aponto a guinada desenvolvimentista na política econômica ocorrida em torno de 2006 como a origem dos problemas que hoje enfrentamos, por fim, sabe que não compro a tese da indústria redentora defendida por vários colegas (sobre a questão da indústria ver aqui). Por entender o desenvolvimentismo como uma forma sofisticada de transferir renda de pobres para ricos e de superproteger a indústria é que comecei a criticar o petismo tão logo percebi a guinada em 2006, por ter visto que o governo Dilma representava o fortalecimento do desenvolvimentismo fiz o que estava ao meu alcance para que Dilma não fosse reeleita.
Nunca acreditei que o PSDB fosse um partido liberal ou contrário ao desenvolvimentismo, pelo contrário, sempre afirmei ser o PSDB um partido social democrata com correntes desenvolvimentistas bastante fortes e influentes. O símbolo do desenvolvimentismo tucano é J…

Histeria Coletiva e a Incrível História que Aumentar Impostos é uma Medida Liberal

Imagem
Quando alguém pensa em um economista liberal a ideia que vem à mente é de um economista defendendo um Estado Mínimo, é uma ideia de senso comum e que em essência não está errada. Liberais podem discutir entre si quão mínimo deve ser o Estado, uns acreditam que o Estado Mínimo pode atender serviços básicos e oferecer proteção social outros acreditam que o mínimo é zero, mas via de regra, quando confrontado com um determinado governo, o liberal defende que é possível diminuir este governo. Em outras palavras: liberais discordam sobre qual o tamanho adequado do Estado, mas tendem a concordar que os Estados existentes estão muito grandes. No Brasil, desde muito, há um quase consenso entre liberais que o Estado é muito grande e o governo arrecada muito, digo quase consenso para que não apareçam um ou dois liberais se oferecendo de exemplo para me provar errado, mas se tivesse dito que há um consenso não teria sido um despropósito de minha parte.
Quem acompanha a economia e a política dos …

Seis Hábitos de Gringos que Brasileiros não Entendem

Imagem
Começo pedindo aos amigos que não estranhem o título, não virei coletivista nem muito menos recebi mandato divino para falar em nome de todos os brasileiros, apenas quis um título compatível com o da matéria que eu resolvi implicar. A matéria, publicada na Exame em abril do ano passado (link aqui), é intitulada "6 hábitos do brasileiro no trabalho que gringos não entendem". Como não levo a sério generalizações resolvi encarar o texto com bom humor e, para não perder a piada, resolvi fazer uma contraposição.

1. Ir direto ao ponto.
Coisa mais desagradável é ir direto ao ponto, perdemos a oportunidade de conversar com os amigos, saber de outras coisas e tudo mais que uma boa e demorada conversa possibilita. Tem coisa mais chata que o sujeito bater na sua porta e já ir falando de assunto sério? Não dá tempo nem de se preparar. Seu chefe chega na sua sala e diz: "Fulano, você vai ter de viajar para Holanda". Não tem nem direito a uma introdução, é tudo de bate pronto, co…

Desigualdade, Riqueza e Pobreza: Quanto é o Máximo que você Ganharia em um Mundo Igualitário?

Imagem
Nos últimos dias mais uma vez apareceram discussões no FB a respeito de pobreza e desigualdade. Em tais discussões sempre aparece alguém dizendo que se a renda do mundo fosse distribuída de forma igualitária não haveria mais pobreza, outros dizem que todos viveriam bem e, por fim, há quem diga que seriam todos ricos. A discussão é capciosa, a verdade é que os conceitos de pobreza e riqueza são relativos. Um homem muito rico que tenha vivido no começo do século XX provavelmente tinha acesso a menos bens e serviços que esse professor que vos escreve. Um homem que viva sozinho nos EUA ganhando U$ 1.000 por mês (cerca de R$ 2.650) lá é considerado pobre, aqui estaria na classe média alta. Mesmo sabendo de tudo isto resolvi fazer uma conta boba e sem muita aplicação, mas que pode ser útil para que cada um possa avaliar como está hoje em relação a um hipotético mundo onde todos tenham a mesma renda. A conta consiste em calcular o PIB per capita do mundo e trazer para valores brasileiros.
A…

Até muito perto do final do ano mercado subestimou a inflação de 2014, mas se você ler alguns jornais ou blogs vai pensar que foi o contrário.

Imagem
Um tema recorrente aqui no blog é a tentativa de se atribuir ao mercado um pessimismo militante a respeito da economia brasileira. Os motivos mudam de acordo com que acusa ou com o momento. Em um momento o pessimismo visa atingir a presidente, em outros momentos apenas o Ministro da Fazenda, em outro momento é uma conspiração para aumentar juros, um reflexo do preconceito da “elite branca paulista” contra Lula ou uma forma de ajudar o mesmo Lula em suposto conflito interno do PT. Não importa a razão, todas as acusações de pessimismo sofrem do mesmo mal de origem, simplesmente não batem com os dados.
Em abril do ano passado fiz um post aqui no blog mostrando que o mercado tende a errar prevendo inflação menos que a observada e crescimento maior que o observado (link aqui). Tratei do tema com mais cuidado em post que saiu no Economista X e mais uma vez mostrei que se o mercado pode ser acusado de algo seria de otimista (link aqui). Sei que estou repetitivo com esta conversa, mas vou vo…

Eu Sou Charlie!

Imagem
Só porque Keynes comparou “O Capital” de Marx ao Corão, livro sagrado dos muçulmanos, (link aqui) não é motivo para os pretensos herdeiros de Marx se aliarem ao fundamentalismo islâmico. É verdade que não sou especialista em Marx nem conheço bem a biografia dele, mas pelo que conheço arrisco dizer que Marx não estaria defendendo o fundamentalismo islâmico no conflito com o Ocidente. A “força do progresso” e a “verdade histórica” não parecem estar do lado fundamentalismo.
Feita a provocação passo ao que interessa: o ataque à revista francesa “Charlie Hebdo” é um ataque ao Ocidente. A morte brutal de Stéphane Charbonnier não representa apenas o fracasso da França em garantir segurança a seus cidadãos, representa o fracasso do Ocidente em defender seus valores. Vejo alguns questionando os motivos de fazer certas charges ou expor certas opiniões, me incomodo com tais colocações, naturalmente não me ocorre prender ou matar quem as faz, mas me sinto sim incomodado. O motivo necessário e su…